realidade-virtual-no-tratamento-de-fobia-social-psicologa-juliana-vieira-itajaipsicologia-itajai-terapia-secao-unicaPsicologia Itajai – Psicoterapia Cognitivo ComportamentalPsicologia Itajai – Psicóloga Juliana Vieira

PSICOLOGIA ITAJAÍ

TOC, TOC, TOC? Será que estou com TOC ?

tags: Ansiedade , Psicologia , Terapia cognitivo-comportamental , Transtornos

postado em: 4 de julho de 2013

postado por: Psicóloga Juliana Vieira

toc-transtorno-sintomas-manias

“Passo a maior parte do meu tempo pensando em uma coisa, esse pensamento não sai da minha cabeça, então preciso fazer algo logo para que diminua esta minha ansiedade. É muito difícil conviver com isso. Já deixei da fazer muitas coisas que me dão prazer, como também atividades profissionais.”

O discurso acima pode ser encontrado em pessoas que estão com TOCTranstorno obsessivo-compulsivo. Estas pessoas perdem muito tempo do seu dia-a-dia tendo pensamentos ou imagens recorrentes e persistentes, denominados de obsessões. Enquanto as compulsões referem-se a comportamentos repetitivos e sem finalidade, executados pela pessoa.

As obsessões podem estar relacionadas a um aumento de ansiedade, pensamento que algo de ruim pode acontecer com a pessoa ou com outra e se não realizar determinado comportamento (compulsão) estará ocorrendo uma fatalidade. Efetuando um comportamento, ajuda à pessoa a diminuir a ansiedade e aquela sensação de desconforto, como por exemplo, limpar várias vezes a maçaneta da porta para que não haja contaminação; tomar banho várias vezes por dia, mais do que habitualmente tomava; que tudo esteja em perfeita ordem, camisas separadas por cor, no mesmo lugar; verificar várias vezes se a porta ou o gás estão fechados.
Esteja atento se :

  • Idéias, pensamentos e imagens passam a ser tão recorrentes, que a pessoa não consegue controlá-los;
  • A pessoa tenta ignorar esses pensamentos, imagens ou idéias por meio de outro pensamento ou ação;
  • Executa comportamentos repetitivos em resposta a uma obsessão;
  • O comportamento repetitivo é para diminuir a ansiedade ou prevenir desconforto.

Posso estar pensando: “Eu tenho algum desses comportamentos!”. Mas lembrem-se: manias todo ser humano tem, alguns mais, outros menos. O que diferencia é a intensidade, a freqüência e se isso esta trazendo algum prejuízo, desconforto ou limitação para você, como deixar de fazer outras atividades para passar mais de uma hora por dia, verificando se o gás está fechado, por exemplo, interferindo na sua rotina.

 


Psicóloga Juliana Vieira

Psicóloga Juliana Vieira Juliana Vieira Almeida Silva é psicóloga formada pela Universidade do Vale do Itajaí desde 2001 e possui formação em Terapia Cognitiva-Comportamental. Doutora em Psicologia (UFSC) atua nas seguintes áreas: Psicoterapia Individual e Psicoterapia de Grupo, Psicoterapia Familiar e de Casal, Orientação Profissional, Aconselhamento, Diagnóstico para crianças, adolescentes e adultos. Tem vários artigos publicados na área da Psicologia e Administração. Além de Psicóloga Clínica, realiza atividades na área da Psicologia Organizacional: consultoria (Recrutamento e Seleção; Treinamento e Desenvolvimento, Plano de Cargos e Salários, entre outros) e palestras. Atualmente é docente em Cursos de Psicologia e Administração, bem como em pós-graduações.

Posts relacionados:


COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS!